Abertas as inscrições para seleção de profissionais de beleza

Estão abertas as inscrições para a seleção de profissionais de beleza e bem-estar interessados em participar do Programa “Voucher Estética”. A iniciativa da Prefeitura de Teresina consiste no credenciamento de profissionais para prestarem seus serviços aos servidores efetivos do município em outubro, todavia, com pagamento antecipado para este mês de junho.

Podem participar da seleção pessoas físicas que atuem como cabeleireiros, barbeiros, manicures e pedicures, designers de sobrancelhas e profissionais que trabalham com limpeza de pele. Os interessados devem ler atentamente o edital da seleção, que lista os requisitos e a documentação necessária para inscrição, sendo que o prazo segue até sexta-feira (5) e todo o procedimento será realizado exclusivamente pelo e-mail:semacpl2019@gmail.com.

Acesse aqui o edital!

Ao todo, serão disponibilizados 4.500 “vouchers estética”, divididos nas seguintes categorias de serviços: corte simples ou barba; manicure ou pedicure; designer de sobrancelhas e limpeza de pele. O valor de cada voucher varia de R$ 15 a R$ 30, de acordo com o serviço a ser prestado. Cada profissional poderá receber, no máximo, o valor referente a 15 vouchers. O investimento no programa é de R$ 112.500,00 e o resultado final será divulgado no dia 12 de junho.

“Nosso objetivo com o lançamento do ‘Voucher Estética’ é minimizar os impactos financeiros provocados pela pandemia do novo coronavírus aos profissionais que atuam no segmento de beleza e bem-estar. Ao tempo em que contribuímos para a recuperação da renda dessas pessoas, vamos presentear nossos servidores no mês em que se comemora o Dia do Servidor Público”, pondera Nonato Moura, secretário municipal de Administração e Recursos Humanos.

Prefeitura lança edital para garantir renda a profissionais de beleza

Para minimizar os impactos financeiros provocados pela pandemia do coronavírus aos profissionais que atuam na área de beleza e bem-estar, a Prefeitura de Teresina lança o edital do Programa “Voucher Estética”. A iniciativa irá selecionar profissionais para prestarem seus serviços aos servidores efetivos do município no mês de outubro. Porém, eles receberão o pagamento pela ação de forma antecipada no mês de junho.

Ao todo, serão investidos R$ 112.500,00 através do edital. “Sabemos que o isolamento social teve um grande impacto nas atividades econômicas e temos trabalhado para buscar alternativas de minimizar essa situação. Além de ajudar essa categoria de profissionais, também encontramos uma forma de presentear nossos servidores”, ressaltou o prefeito Firmino Filho.

De acordo com o edital publicado no site da Sema (Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos), serão disponibilizados 4.500 ‘vouchers estética’, divididos nas seguintes categorias de serviços: corte simples ou barba; manicure ou pedicure; designer de sobrancelhas e limpeza de pele. O valor de cada voucher varia de R$ 15 a R$ 30, de acordo com o serviço a ser prestado. Cada profissional poderá receber, no máximo, o valor referente a 15 vouchers.

Acesse aqui o edital!

“Cada voucher tem um valor tabelado, baseado nos preços médios praticados no mercado. Os profissionais que atenderem aos requisitos do edital e forem selecionados receberão a quantia referente ao serviço até 15 dias corridos após a divulgação do resultado da seleção”, explica Nonato Moura, secretário municipal de Administração e Recursos Humanos.

Podem participar da seleção pessoas físicas que atuem como cabeleireiros, barbeiros, manicures e pedicures, designers de sobrancelhas e profissionais que trabalham com limpeza de pele. “Os vouchers serão doados para os servidores efetivos do município no mês em que se comemora o Dia do Servidor Público, em outubro. Cada voucher irá constar a indicação do valor do serviço já pago pela Prefeitura, além do local de execução e prazo de vigência do mesmo”, detalha.

Inscrições

Os profissionais interessados em concorrer ao credenciamento devem atender aos requisitos divulgados no edital e se inscreverem de 1º a 5 de junho exclusivamente pelo e-mail: semacpl2019@gmail.com, com envio da documentação exigida, mencionando o seguinte assunto: “CREDENCIAMENTO Nº 001/2020 –SEMA –VOUCHER”. De 8 a 10 de junho, a documentação enviada pelos profissionais será analisada e, no dia 12 de junho, será divulgado o resultado final da seleção.

Servidores de todos os órgãos da Prefeitura de Teresina farão teste de Covid-19

Todos os servidores públicos que estão trabalhando presencialmente nos órgãos da Prefeitura de Teresina serão submetidos ao teste rápido de Covid-19. Até agora, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) já testou mais de seis mil servidores da saúde e, a partir desta quinta-feira (21), será a vez dos profissionais que atuam nos demais órgãos, iniciando pela Gerência de Zoonoses, Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (SEMCASPI), incluindo a Guarda Civil Municipal, e Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (STRANS).

Cada órgão informará aos servidores que estão trabalhando presencialmente o dia e horário da coleta, conforme cronograma definido pela Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos (SEMA), em parceria com a FMS.

A medida visa cumprir os Decretos nº 19.735/2020 e nº 19.772/2020, assinados pelo prefeito Firmino Filho. “Os testes serão disponibilizados para servidores ativos, que estão desenvolvendo as suas funções no seu posto de trabalho. Com a ação, iremos contribuir para cuidar da saúde dos trabalhadores e para conter a disseminação do novo Coronavírus”, explica o presidente da FMS, Manoel de Moura Neto.

O secretário municipal de Administração e Recursos Humanos, Nonato Moura, explica que foi organizada uma logística de convocação dos servidores de cada órgão da Prefeitura, com o intuito de evitar aglomerações: “Estamos entrando em contato com cada órgão, disponibilizando esse cronograma e pedindo que eles informem aos servidores que estão trabalhando presencialmente a data, horário e local para fazer seu teste rápido”, detalha.

Após realização dos testes rápidos, aquelas pessoas que apresentarem resultados de infecção recente positiva deverão ser afastadas das suas atividades por período mínimo de sete dias, podendo esse tempo ser prolongado após avaliação médica.

Jesus Mousinho, diretora de Atenção Especializada da FMS, explica que as informações sobre o estado de saúde dos trabalhadores serão inseridas no site www.testecovid19.fms.pmt.pi.gov.br. “Essa é mais uma estratégia de monitoramento da saúde e que pode contribuir para traçar a situação da pandemia na capital”, finaliza.

* Com informações e foto da FMS

Órgãos municipais alcançam economia de mais de R$ 1,5 milhão com revisão de despesas

Desde que a Prefeitura de Teresina decretou estado de calamidade pública por conta da pandemia do novo coronavírus, os órgãos municipais se adequaram à realidade e estão adotando uma série de medidas que resulta, até agora, em uma economia de mais de R$ 1,5 milhão.

Nonato Moura, secretário municipal de Administração e Recursos Humanos, explica que, com a redução da quantidade de servidores trabalhando presencialmente nos órgãos, está sendo possível redimensionar e renegociar contratos.

“As secretarias que não exercem atividades essenciais estão funcionando com quadro reduzido de servidores presencialmente, isto faz com que consigamos reduzir despesas de água, energia elétrica, impressão. Além disso, estamos orientando que os gestores reavaliem seus contratos e tentem negociar aqueles que dizem respeito à manutenção predial e de ar condicionado, locação de impressoras, de veículos, e terceirizados”, aponta Nonato Moura.

O secretário municipal de Administração e Recursos Humanos destaca também que essa economia contribui para manter o equilíbrio das despesas e receitas do município, que está vivenciando o aumento dos gastos, sobretudo na área da saúde, ao tempo em que a arrecadação está caindo.

Escola de Gestão de Teresina divulga cursos de capacitação online para servidores municipais

Diante do cenário de isolamento social provocado pela pandemia do novo coronavírus, a Escola de Gestão de Teresina (EGT), em parceria com a Escola Nacional de Administração Pública (ENAP), disponibiliza para os servidores do município mais de 150 cursos de capacitação online. As oportunidades abrangem diversas áreas de atuação no serviço público e podem ser acessadas gratuitamente.

O secretário municipal de Administração e Recursos Humanos, Nonato Moura, incentiva que os servidores que estão em home office aproveitem o período para se qualificar. “A disseminação da Covid-19 em nossa cidade nos levou a mudar nossa rotina para podermos preservar vidas. Por isso, muitos servidores municipais estão afastados do trabalho ou atuando de casa. Dentro deste novo contexto, é interessante investir o tempo disponível em qualificação, atualização profissional e a Escola de Gestão de Teresina oferece esta oportunidade gratuitamente”, afirma.

Os cursos disponíveis são resultado de parceria anteriormente firmada pela Prefeitura de Teresina com a ENAP. Para ter acesso à plataforma, basta o servidor acessar o site da ENAP (https://enap.gov.br/), selecionar a opção ‘CURSOS E EVENTOS’ e posteriormente ‘ENSINO A DISTÂNCIA’.

Os cursos contemplam inúmeras áreas de interesse, dentre elas: Gestão de Pessoas; Gestão Pública; Gestão Estratégica; Transformação Digital; Políticas Públicas; Inovação; Liderança; Orçamento e Finanças; Desenvolvimento Gerencial; Logística e Compras; Governança; Gestão do Conhecimento; Governo Digital; Ciência de Dados; Comunicação; Educação; Gov.br – Transformação Ágil, Planejamento, Tecnologia da Informação, Design; Gov.br – Serviços para o Cidadão, Políticas Econômicas; Gov.br – Ciência de Dados, Diversidade, Políticas de Infraestrutura, Políticas Sociais, Auditoria e Controle; Gov.br – Liderança e Inovação, Regulação, Ética, Jurídico; Gov.br – Governança e Gestão de TIC e Gov.br – Segurança e Privacidade.

Prefeitura de Teresina anuncia ajustes para pagamento dos servidores municipais

O cenário de pandemia do novo coronavírus provocou uma queda de 37% na arrecadação do município e, para garantir o pagamento dos seus servidores, a Prefeitura de Teresina está fazendo alguns ajustes a partir do mês de abril. Um deles é a suspensão temporária do pagamento do abono férias e da antecipação da primeira parcela do 13º salário. A medida permitiu uma redução de cerca de R$ 1,2 milhão já na folha desse mês.

Tradicionalmente, a Prefeitura de Teresina depositava a primeira parcela do 13º nas férias dos servidores, ainda que o prazo legal para pagamento do benefício seja no final do ano. “Contudo, como estamos enfrentando um cenário totalmente atípico, tivemos que suspender essa antecipação. Mas os servidores não precisam se preocupar, pois assim que a economia começar a responder positivamente, anunciaremos um calendário para retomar os pagamentos desse benefício ou faremos no final do ano, conforme estabelece a lei”, garante o secretário municipal de Administração e Recursos Humanos, Nonato Moura.

O gestor explica que também ficou definido que não haverá pagamento de horas extras, a partir de abril, para os servidores que estão afastados do seu posto de trabalho ou exercendo suas funções em home office. “A queda na arrecadação da Prefeitura de Teresina já chega a 37% e ainda não sabemos como será o cenário em maio. A Prefeitura aguarda um suporte financeiro vindo do Governo Federal para que possamos continuar prestando, pelo menos, os serviços básicos”, pondera.

Nonato Moura ressalta ainda que as medidas anunciadas não incluem os servidores da Fundação Municipal de Saúde (FMS), pois eles continuam desenvolvendo suas atividades normalmente.

O pagamento dos servidores municipais referente ao mês de abril inicia nesta quarta-feira (29), quando serão pagos os trabalhadores da Semec. Na quinta-feira (30) é a vez dos servidores da Arsete, Sema, Semf, Semplan, Gabinete do Prefeito, Gabinete do Vice-Prefeito, Semgov, PGM, FCMC, IPMT e Câmara Municipal.

Na segunda-feira (04/05), os servidores da Secretaria Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres (SMPM), da Secretaria Municipal de Concessões e Parcerias (Semcop), Semduh, Semcom, Semjuv, Semdec, Semel, Semcaspi, Semam, Semest, Fundação Wall Ferraz, SDR, Strans, SDUs, Eturb e Prodater recebem seus salários. E, por fim, na terça-feira (05/05), o pagamento da folha é encerrado com o repasse aos servidores FMS.

Órgãos municipais devem enviar à Sema pedidos para aquisição de EPIs

Com base no decreto municipal Nº 19.647, que tornou obrigatório o uso de máscaras por trabalhadores do serviço público assim como da iniciativa privada que seguem atuando neste período de pandemia, a Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos (Sema) orienta como os órgãos vinculados à Prefeitura de Teresina devem proceder.

De acordo com o secretário Nonato Moura, todas as demandas para aquisição de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) destinados aos servidores do município devem ser enviadas o mais rápido possível para a Sema. “Nós repassamos para os órgãos uma lista dos materiais que podem ser solicitados e estamos aguardando as respostas com as respectivas quantidades. Assim que compilarmos toda a demanda, daremos início ao processo licitatório para compra desses equipamentos”, explica o gestor.

Nonato Moura esclarece que o uso desses EPIs oferece maior segurança e proteção aos servidores que estão atuando no combate ao novo coronavírus em Teresina. Entre os itens que podem ser solicitados pelos órgãos municipais estão: máscaras, luvas, álcool em gel 70%, álcool líquido, papel toalha, água sanitária, detergente líquido, dispenser para álcool em gel e guardanapos de papel.

Educadora física da Sema dá dicas de como os servidores devem organizar seu home office

A maioria dos servidores municipais que não atuam na linha de frente do combate ao novo coronavírus está exercendo suas funções em home office. Esta mudança de ambiente exige a adoção de alguns cuidados, sobretudo com relação à postura e organização do tempo. Segundo Kauane Ribeiro, coordenadora da ginástica laboral da Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos (Sema), o home office deve seguir todo padrão de ergonomia do ambiente de trabalho.

“É interessante que a gente tenha em casa uma área específica para ser o nosso posto de trabalho, um cantinho com uma mesa, cadeira, computador. E nesse espaço deve-se evitar deixar objetos distrativos, para que consigamos manter nosso foco no trabalho”, destaca.

A profissional em Educação Física indica que o encosto da cadeira deve ser adaptado à curvatura da coluna e, se for preciso, pode-se utilizar almofadas. “Além disso, os ombros e quadris devem estar alinhados; os pés devem estar apoiados no solo ou em descanso para pés. Se você não tem esse suporte, pode improvisar com livros ou caixas. O descanso de braço deve estar na altura do cotovelo; o punho tem que estar em uma direção neutra, ou seja, sem dobrar; e os joelhos discretamente abaixo do quadril, com angulação de 90 graus”, detalha.

A posição do notebook ou computador também merece atenção especial. O monitor deve ser ajustado para que fique na altura da visão, evitando assim tensão na região cervical. “É importante observar também a curvatura dos ombros e da coluna. Caso precise, utilize livros, caixas ou resma de papel para chegar à posição correta. O teclado precisa ficar diretamente a sua frente, e o mouse próximo e no mesmo nível do teclado”, acrescenta Kauane.

Outra dica é saber administrar o tempo e tentar manter a rotina de trabalho no mesmo horário em que você estaria na secretaria. “Se você trabalhava pela manhã, mantenha esse horário para estar ali trabalhando, planejando ou estudando, até para que na volta à rotina habitual, quando todo esse período de isolamento acabar, a gente não tenha tanta dificuldade de se readaptar”, ressalta.

Por fim, a educadora física pontua a necessidade de se movimentar durante o período de home office. “É indicado que a gente faça pausas durante a manhã, levante, faça um alongamento, porque além de melhorar a circulação sanguínea, esse comportamento ajuda a aliviar a tensão muscular, relaxa o corpo e a mente, melhora a postura, previne dores e lesões musculares, além de aumentar a flexibilidade”, conclui.

Veja o que é certo e errado na hora do home office:

Guardas convocados para tomar posse devem enviar documentação por e-mail

Foi publicado no Diário Oficial do Município dessa sexta-feira (3) a convocação de 261 guardas municipais que irão reforçar as ações da Prefeitura de Teresina, sobretudo neste momento de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus. Eles devem enviar à Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos (Sema) os documentos necessários para tomar posse. O prazo de envio é de 30 dias e começou a contar em 1º de abril, data da nomeação.

Devido ao estado de calamidade pública que se encontra a cidade, a orientação é que os convocados enviem a documentação necessária para o e-mail da Coordenação de Registro da Sema – crd.sema@gmail.com – dentro do prazo estabelecido pela legislação.

Faça o download: DOCUMENTAÇÃO DE POSSE GUARDAS MUNICIPAIS

Conforme a Portaria Nº 105/2020, o documento exigido no edital do concurso que não for apresentado pelo convocado porque o órgão emissor está com suas atividades presencias suspensas e não possibilita emissão remota, devido ao isolamento social motivado pela pandemia do coronavírus, deverá ser entregue em até 30 dias após declarado o fim do estado de calamidade pública na cidade.

Após o recebimento dos documentos de cada convocado, a Sema realizará conferência imediata e, estando em conformidade com o respectivo edital, enviará ao e-mail do convocado o Termo Provisório de Posse, que deverá ser impresso, assinado e enviado pelo convocado ao e-mail crd.sema@gmail.com.

A portaria estabelece ainda que estão dispensados, temporariamente, os exames admissionais dos convocados. Contudo, eles devem ser entregues à Sema até 30 dias após declarado o fim do estado de calamidade pública pelo município de Teresina.

O secretário municipal de Administração e Recursos Humanos, Nonato Moura, reitera que estas adequações foram necessárias para agilizar a posse dos novos guardas municipais, que desempenharão um papel fundamental junto aos teresinenses. “Diante deste cenário de pandemia e seguindo as recomendações dos decretos assinados pelo prefeito Firmino Filho, nosso funcionamento presencial sofreu mudanças para resguardar tanto os nossos servidores como o público que necessita dos nossos serviços. Mas garantimos que todos os procedimentos estão sendo encaminhados sem nenhum prejuízo à população”, completa.

 

 

 

Licitações são suspensas e Sema reduz ao mínimo seu funcionamento

Em cumprimento aos Decretos Nº 19.538 e Nº 19.540, assinados pelo prefeito de Teresina, os órgãos do município estão adequando seu quadro de pessoal para continuar prestando seus serviços e ajudar na contenção do novo coronavírus (Covid-19).

Na Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos (Sema), apenas os setores de Protocolo, Licitações, Supervisão de Pessoal e Gabinete estão funcionando presencialmente, com equipe reduzida, atenta ao distanciamento necessário e reforçando as medidas de limpeza e higiene.

“Reduzimos o número de servidores para realizar suas atividades na sede da Sema à proporção que está diminuindo a demanda por nossos serviços em razão da Covid-19 e das medidas restritivas decretadas pelo prefeito Firmino Filho”, explica o secretário municipal de Administração e Recursos Humanos, Nonato Moura.

Segundo o gestor, conforme a Portaria Nº 103/2020 publicada no Diário Oficial de Teresina desta terça-feira (24), a abertura de novas licitações por meio da Sema está suspensa até o dia 31 de março. Todavia, será dado seguimento aos certames que já estavam em andamento na Fase Interna. Aqueles que estão na Fase Externa, aguardando sessão pública, entrega de documentos ou demais atos que impliquem aglomeração de pessoas, foram suspensos e serão remarcados. O documento também determina a suspensão dos prazos processuais, inclusive de impugnação ao instrumento convocatório e prazos recursais.

Nonato Moura destaca ainda que os órgãos da Prefeitura, com exceção daqueles que prestam serviços essenciais à população, a exemplo da FMS e Semcaspi (Guarda Municipal, Defesa Civil, e etc.), já estão funcionando com seu quadro reduzido nas sedes administrativas e com equipes em Home Office até durar o estado de calamidade pública ou após novas orientações.

“O nosso setor de Recursos Humanos vai continuar trabalhando, seja presencial ou em home office, para confeccionar a folha de pagamento dos servidores”, completa.

Vale destacar que a população pode continuar tendo acesso à maioria dos serviços prestados pela Prefeitura de Teresina através da plataforma Teresinense Digital, basta clicar no link: https://pmt.pi.gov.br/teresinensedigital/.

“No entanto, é importante destacar que este período não é de férias, ou destinado para viajar. Devemos seguir as recomendações de isolamento social para que, assim, possamos conter a proliferação do vírus”, conclui Nonato Moura.